segunda-feira, 15 de junho de 2009

Distraída



O nascer do Sol mais lindo que eu não pude ver
A fruta mais saborosa que eu deixei de provar
O cheiro de brisa que passou sem eu sentir

O abraço apertado que eu não aproveitei
A risada escrachada que eu evitei
Os teus olhares eu não correspondi

Os conselhos de mãe que ignorei
As amizades verdadeiras que perdi
Os momentos que não vivi

Por pura distração...

3 comentários:

viacimabue27 disse...

bonita amiga :) gostei de prosear contigo hoje diante de uma panela de pressão rsrsr será que vou criar coragem para mostrar as minhas tambem? Bela a tua Óde a distração! super beijo e samba com a cabeça

Macaco disse...

Ê minha Nega! Gosto muito de te ler!!!!!

N. Araujo disse...

entretanto não deixou de viver nos momentos de distração